2 Formas de Prestar reverencias a Surya (o Sol) e colher as suas Bênçãos.

Como fortalecer surya no mapa astral

Introdução


Na antiga religião védica, assim como em todas as crenças do mundo antigo, a reverência ao Sol estava no cerne das práticas espirituais. A adoração solar era uma pedra angular em todas as culturas antigas, abraçada por nossos ancestrais indo-europeus, gregos, celtas, germânicos e eslavos.

Muitas destas práticas permeiam sutilmente nosso cotidiano e estão impregnadas imperceptivelmente em nossa cultura. Assim, há inúmeras maneiras acessíveis de incorporar à nossa rotina atividades que promovam o equilíbrio da energia solar em nosso horóscopo. Isso vai desde a visita a templos aos domingos, cantar o mantra Gayatri e até a prática de atividades físicas como o renomado Surya Namaskar, um asana de reverencia ao Sol.

Essas práticas ganham uma importância para aqueles que almejam adentrar ao universo da astrologia. O Sol exerce a regência sobre o signo de Leão, que governa a 5ª casa zodiacal, associada ao poder de antecipar o futuro e liderar por meio da visão. O Sol ostenta o título de monarca entre os planetas, brindando os demais astros com sua luminosidade, o que, por conseguinte, pode reverberar positivamente em outras esferas do horóscopo.

A Importância do Sol na Espiritualidade


O Sol é a manifestação divina na natureza, a própria essência do divino. É considerado um Deva, uma divindade. Como dito neste artigo, o Sol tem como Pratyadi Devata o senhor Shiva, tamanha a sua importância. Para os antigos, o Sol representava a Divindade Única, a síntese da verdade. Em nossos mapas astrais, o Sol personifica nossa divindade, na forma do atmakaraka natural, é nosso foco central, o epicentro e o propósito vital em nossas vidas.

Uma posição solar auspiciosa proporciona inteligência aguçada, discernimento e uma vontade forte e caráter firme. Ele infunde resistência, vitalidade, otimismo, direcionamento, coragem, convicção, confiança, liderança, independência e integridade. Sem ele, nossas realizações e conquistas careceriam de autenticidade, não nutririam nossa força interna nem nos concederiam a paz interior. Já uma colocação solar desfavorável leva a um intelecto limitado, falta de discernimento, debilidade de vontade e caráter. Isso resulta em fragilidade vital, melancolia, medo, dependência ou servidão, além de astúcia ou desonestidade.

Surya e os Nomes do Sol na Língua Sânscrita


Na língua sânscrita, incontáveis são os nomes atribuídos ao Sol. O mais conhecido é Surya, que evoca a figura paterna, o progenitor, o inspirador, a fonte de energia, motivação e criatividade. Além disso, ele é chamado por Parashara pelo nome Ravi e pode ser chamado pelo nome dos 12 Adytias e é muitas vezes denominado Savitar, termo que ressoa com significados similares, “aquele que dá vitalidade”.

Os 12 Adytias as diferentes formas de Surya


O Sol é a essência do Kala Purusha. Kala Purusha é a manifestação do divino ou o nascimento da alma divina em forma humana. A alma nasce geralmente com um propósito determinado pela lei do karma.

Conforme o Sol percorre o Zodíaco, ele cria os 12 signos ou Adityas. O propósito da alma é revelado pela posição do Sol em um horóscopo. Isso é um conceito baseado nos justamente nos Dvadasa Adityas. Esses 12 Adityas são os filhos do Maharishi Kashyap e a deusa Aditi, e eles são os provedores de recursos e habilidades necessárias para alcançar o propósito da alma.

Os segredos por trás dos 12 Adityas é uma peça fundamental para a interpretação de um mapa astral e faz parte do nosso curso dos Primeiros Passos em torno da Astrologia Védica.

Celebrando o Sol com o Surya Namaskar


O Surya Namaskar, também conhecido como Saudação ao Sol, é uma sequência de posturas de yoga realizada em uma sequência fluida. Essa prática tem raízes na tradição hindu e é considerada uma forma de saudação ao sol nascente, que simbolicamente representa uma fonte de energia, vitalidade e consciência.

O Surya Namaskar envolve uma série de posturas que alongam e fortalecem os músculos, melhoram a flexibilidade da coluna vertebral e aumentam a circulação sanguínea. Esses benefícios podem contribuir para uma melhor postura, maior resistência física e uma sensação geral de bem-estar.

Contudo, vale ressaltar que o Surya Namaskar pode não ser apropriado para todos. Pessoas com lesões, problemas médicos ou limitações físicas devem consultar um profissional de saúde antes de iniciar novos exercícios. Nesse sentido, a celebração do Sol com Arghya se apresenta como uma alternativa simples ao Surya Namaskar quando a atividade física se torna um obstáculo.

Celebrando Surya com Arghya
Celebrando Surya com Arghya

Celebrando Surya com Arghya


Arghya, no sânscrito, traduz-se como “oferta” ou “dádiva”. Prestar homenagem ao Sol com Arghya é uma maneira poderosa de se conectar com a energia cósmica e expressar gratidão pela luz e vitalidade que ele concede. O retorno quando feito com outros tipos de remediação astrológica são profundamente recompensadores, dando resultados em algumas semanas ou meses.

A prática de Arghya é surpreendentemente simples de ser realizada, dispensando a necessidade de materiais dispendiosos. Entretanto, como ocorre com a maioria das soluções astrológicas, o verdadeiro poder transformador encontra-se oculto na constante repetição e na gradual construção do hábito, revelando, assim, um caminho de profundas mudanças que se desdobram ao longo do tempo. Portanto, vejamos como abraçar com dedicação essa prática e conquistar retornos perceptíveis.

Passos para Prestar Homenagem ao Surya com Arghya


  1. Desperte antes da aurora, se possível, e tome um banho. O ideal é sempre antes do sol nascer, se preparando em um momento chamado Brahma Muhurta. No entanto, o Arghya ainda pode ser feito nas primeiras 2 horas do dia.
  2. Posicione-se voltado ao leste, segurando um receptáculo de cobre repleto de água.
  3. Eleve o recipiente de cobre com as mãos estendidas, alinhado com seu coração.
  4. À medida que a água escorre gradativamente, recite o Mantra – “Aum Suryaya Namaha” ou o mantra do seu Adytia como visto no curso.
  5. Se o Sol estiver visível do seu ponto de vista, você também pode estabelecer um contato visual, permitindo que seus olhos cruzem a superfície da água. O brilho do sol deve resplandecer entre o fio de água.
  6. Caso não disponha de um espaço ao ar livre, poderá realizar o procedimento de dentro de sua residência virado para o Leste e respeitando as outras praticas.
  7. Permeie seu coração de gratidão pela benevolência do Deus Sol.
  8. Após a cerimônia, reserve alguns minutos de olhos fechados para orar silenciosamente.

Ao seguir esses passos descomplicados, você poderá aprofundar sua ligação com o Sol e colher os frutos e bençãos de sua energia.

Quer aprender um pouco mais sobre astrologia védica? Dê uma olhada na nossa apostila gratuita.

FAQ


Qual é o papel do Sol na astrologia védica?

O Sol exerce a regência sobre o signo de Leão e a 5ª casa, associada à liderança e à visão. Sua posição no mapa astral reflete nosso foco central e propósito vital, influenciando outras áreas.

Qual o significado de Arghya?

Arghya, no sânscrito, traduz-se como “oferta” ou “dádiva”. Prestar homenagem ao Sol com Arghya é uma maneira poderosa de se conectar com a energia cósmica e um remédio védico eficiente.

Quais são os benefícios de uma posição solar auspiciosa?

Uma posição solar auspiciosa proporciona inteligência aguçada, resistência, otimismo, liderança, independência e integridade. Ela impulsiona nossas realizações e contribui para a paz interior.

Como o Sol é reverenciado nas práticas diárias?

A incorporação de atividades como visitar templos aos domingos, cantar o mantra Gayatri e praticar o Surya Namaskar (Saudação ao Sol) são maneiras de equilibrar a energia solar em nossas vidas.

Como a prática de Arghya se conecta com o Sol?

Arghya é uma prática de oferecer água ao Sol, expressando gratidão pela luz e vitalidade. Isso estabelece uma conexão poderosa com a energia cósmica e pode trazer resultados transformadores.

Como o Surya Namaskar é relevante na espiritualidade védica?

O Surya Namaskar, ou Saudação ao Sol, é uma sequência de posturas de yoga que saúda o sol nascente. Ele promove vitalidade, consciência e bem-estar físico e mental.

Qual é a importância da adoração solar nas culturas antigas?

A adoração solar era central nas culturas antigas, incluindo a religião védica, indo-europeus, gregos, celtas, germânicos e eslavos. O Sol era considerado divino e uma fonte de energia espiritual.

Pedro Cabral

Pedro Cabral

Graduação acadêmica em Comunicação e mais de 15 anos de dedicação à Astrologia Védica. Tudo teve início quando tive o privilégio de conhecer um ourives vaishnava, cuja inspiração me guiou. Ao longo do tempo, fui aluno de mestres indianos, lapidando com cuidado minhas habilidades. Sempre movido em enriquecer e contribuir ativamente para o florescimento da comunidade astrológica e dos amantes desta arte.

Contribua com a divulgação da Astrologia Védica!

Compartilhe!

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on tumblr
Share on pinterest
Share on email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Não perca Tempo

Aprenda com os melhores. Se matricule em nossos cursos

Últimos Artigos

Não perca Tempo

Baixe a Apostila sobre os Primeiros Passos da Astrologia Védica inteiramente Grátis